Bolsas

Câmbio

Wall St fecha em alta impulsionado por setor financeiro e plano tributário de Trump

(Reuters) - Os índices acionários dos Estados Unidos fecharam esta quarta-feira em alta, com o setor financeiro impulsionado pelas expectativas crescentes de alta na taxa de juros em dezembro e a esperança de que a administração do presidente Donald Trump esteja progredindo em um plano de reforma tributária.

O índice Dow Jones subiu 0,25 por cento, a 22.340 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,41 por cento, a 2.507 pontos. O Nasdaq avançou 1,15 por cento, a 6.453 pontos.

As novas encomendas de bens de duráveis produzidos nos EUA subiram mais que o esperado em agosto e os embarques mantiveram tendência crescente, mostrando força da economia.

Os dados, juntamente com os comentários da chair do Federal Reserve, Janet Yellen, estimularam a expectativa de que a banco central norte-americano elevaria a taxa de juros dos EUA em dezembro, aumentando os rendimentos dos Treasuries, que levaram as ações do setor financeiro a subir 1,3 por cento.

"Com a taxa (de juros) subindo, (as ações dos bancos) se movem. Se a taxa de juros aumenta e é sustentável, os investidores podem começar a ganhar algum dinheiro", disse Thomas Martin, gerente de portfólio na Globalt Investments.

Trump propôs a maior revisão fiscal em três décadas, mas deu poucos detalhes sobre como sustentar os cortes de impostos sem aumentar dramaticamente os déficits federais.

Se aprovado, o plano seria a primeira vitória legislativa significativa de Trump desde que assumiu o cargo em janeiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos