Bolsas

Câmbio

Produção de cacau do Brasil deve crescer em 2018, mas depende de chuva, diz associação

SÃO PAULO (Reuters) - A produção de cacau pelo Brasil deve ser "melhor" em 2018, superando as de 2016 e deste ano, mas um regime regular de chuvas até dezembro é necessário para que essa perspectiva se concretize, disse à Reuters o diretor executivo da Associação Nacional das Indústrias Processadoras de Cacau (AIPC), Eduardo Bastos.

Em 2016, o Brasil produziu cerca de 160 mil toneladas do produto e deve registrar algo um pouco maior neste ano, entre 165 mil e 170 mil toneladas, de acordo com cálculos da entidade, que considera os recebimentos da commodity.

Para 2018, "tudo indica que será melhor que 2016 e 2017, mas ainda (estamos) aguardando como ficarão as chuvas até dezembro", destacou o dirigente da AIPC, sem citar números.

"A recuperação econômica está vindo, e o consumo de chocolate acompanha PIB (Produto Interno Bruto). Então devemos ter um 2018 melhor em tudo", acrescentou.

Embora seja importante na produção global de cacau, o Brasil tem sido um importador líquido da commodity, pois a demanda interna é maior do que a safra.

"Precisamos de 60 mil toneladas (de cacau importado neste ano) e, por isso, já temos uma última carga contratada para 2017, de 15 mil toneladas", afirmou Bastos, lembrando que o país já comprou no exterior neste ano cerca de 45 mil toneladas da matéria-prima do chocolate.

O setor brasileiro conta atualmente apenas com importações de cacau vindo de Gana para ajudar no atendimento à demanda, segundo a AIPC.

MOAGEM

A AIPC estima que a indústria brasileira deve encerrar 2017 com números de moagem de cacau próximos aos do ano passado, totalizando 220 mil toneladas.

No primeiro semestre, a indústria processou 113 mil toneladas da amêndoa. O recebimento de cacau nacional no período foi de 59,5 mil toneladas, enquanto os recebimentos no fechado do ano devem ficar próximos de 160 mil toneladas.

(Por José Roberto Gomes)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos