Bolsas

Câmbio

Gregos paralisam transportes públicos em greve por direito a entrar em greve

George Georgiopoulos

  • AP Photo

    Congestionamento em Atenas, em dia de greve dos trabalhadores do transporte público

    Congestionamento em Atenas, em dia de greve dos trabalhadores do transporte público

ATENAS, 15 Jan (Reuters) - Serviços ferroviários, de ônibus e metrô da Grécia foram interrompidos nesta segunda-feira (15), e alguns voos não decolaram, conforme funcionários públicos dos transportes e controladores de tráfego aéreo deixaram seus postos para protestar contra um projeto de lei que temem que irá restringir o direito de entrar em greve.

A ação trabalhista interrompeu a viagem diária de milhares de atenienses, causando engarrafamentos em ruas que levam ao centro da cidade. Em apoio, outros funcionários públicos, incluindo professores, juízes e médicos de hospitais públicos, organizaram paralisações com seus sindicatos, marcadas para começar mais tarde nesta segunda-feira.

A paralisação é apoiada por diversos sindicatos, incluindo as centrais sindicais do funcionalismo público, a Adedy, e a central do setor privado, GSEE.

AFP
Gregos temem que lei restrinja o direito a greve

"O governo está mantendo uma tempestade de medidas contra os trabalhadores que empobrecem a sociedade grega", disse a GSEE. "Este é o golpe final aos trabalhadores, pensionistas e aos desempregados, uma vez que o projeto de lei essencialmente acaba com o direito constitucional de entrar em greve".

O projeto de lei, marcado para votação parlamentar mais tarde nesta segunda-feira, dificulta a convocação de greve.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos