Bolsas

Câmbio

Reforma da Previdência

Jucá diz que reforma da Previdência não será votada a conta-gotas

Ricardo Brito

BRASÍLIA (Reuters) - O líder do governo no Senado, Romero Jucá (MDB-RR), disse nesta terça-feira que a reforma da Previdência não será votada em conta-gotas, em meio a especulações de que mudanças previdenciárias poderiam ser feitas sem a necessidade de emendar a Constituição.

Eventuais mudanças constitucionais estão temporariamente proibidas enquanto vigorar a intervenção federal na segurança pública no Rio de Janeiro, decretada na semana passada pelo presidente Michel Temer.

Em entrevista coletiva, Jucá também disse que apresentará uma nova proposta de autonomia do Banco Central, já que o texto atual de sua autoria é uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC). A autonomia do BC é um dos 15 itens de uma pauta prioritária anunciada na segunda-feira pelo governo Temer.

Recebemos um salário de fome, diz aposentado

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos