Bolsas

Câmbio

Economistas veem rombo primário menor em 2018 e 2019, aponta relatório Prisma

Camila Moreira

SÃO PAULO (Reuters) - Economistas melhoraram a projeção para o deficit primário do governo central (Tesouro, Banco Central e Previdência) em 2018 e também para 2019, segundo relatório Prisma Fiscal divulgado nesta quinta-feira (15) pelo Ministério da Fazenda.

De acordo com a mediana dos dados coletados até o quinto dia útil deste mês, a expectativa para o deficit primário deste ano diminuiu a R$ 139,132 bilhões, contra R$ 149,186 bilhões anteriormente.

Leia também:

Com isso, permaneceu dentro da meta estabelecida pelo governo, que é de um saldo negativo em R$ 159 bilhões.

Em um bom início de ano, o governo ganhou mais argumentos para reiterar a viabilidade do cumprimento da meta para 2018, com a melhor arrecadação para janeiro desde 2014 e o melhor resultado histórico do governo central no mesmo período. Contudo, os bons resultados ainda foram influenciados por receitas extraordinárias, como o Refis. Por isso, ainda é necessária a aprovação no Congresso Nacional de importantes medidas para fazer frente ao desafio, como a reoneração da folha de pagamento e a privatização da Eletrobras.

Para 2019, a estimativa passou a ser de um deficit primário de R$ 111,892 bilhões, ante R$ 119 bilhões no levantamento anterior e indicação do governo de um rombo de R$ 139 bilhões, que será, se confirmado, o sexto dado consecutivo no vermelho do país.

Para a trajetória da dívida bruta, a conta também diminuiu para este ano e o próximo. Agora, a perspectiva é de que chegue a 75% do PIB (Produto Interno Bruto) em 2018, contra patamar de 75,5% visto no mês passado. Para 2019, o cálculo melhorou a 76,95% do PIB, ante 77,2% anteriormente.

O que o PIB tem a ver com a sua vida?

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos