Bolsas

Câmbio

BC da Alemanha reduz perspectiva de crescimento para este ano

FRANKFURT (Reuters) - O banco central da Alemanha reduziu nesta sexta-feira sua estimativa de crescimento para este ano e afirmou que as preocupações comerciais e políticas tornaram as perspectivas para a economia do país mais incertas.

A demanda mais fraca do exterior e a escassez de mão de obra interna expuseram fraquezas no centro da economia orientada para exportação e centrada na indústria, completou.

O Bundesbank espera crescimento de 2,0 por cento este ano, bem abaixo dos 2,5 por cento que projetava em dezembro.

Embora tenha elevado a estimativa para 2019 a 1,9 por cento de 1,7 por cento, o presidente do banco central, Jens Weidmann, injetou cautela.

"As incertezas em relação às perspectivas para a economia alemã são consideravelmente maiores do que eram", disse Weidmann em comunicado.

Entre os fatores que pesam sobre a confiança, o Bundesbank citou as preocupações com o protecionismo e "maior incerteza política em alguns países da zona do euro" --referências à disputa comercial com os Estados Unidos e à formação de um governo antiestablishment na Itália.

(Reportagem de Francesco Canepa)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos