IPCA
0.43 Fev.2019
Topo

Mercado reduz expectativa para Selic em 2019 a 7%

Camila Moreira

2019-01-07T08:59:20

07/01/2019 08h59

SÃO PAULO (Reuters) - A perspectiva do mercado para a taxa básica de juros em 2019 foi reduzida pela terceira semana seguida, em um cenário de inflação contida e depois que o Banco Central jogou para um futuro indeterminado eventual início de aperto monetário.

Os economistas consultados na pesquisa Focus do BC divulgada nesta segunda-feira (7) passaram a ver a Selic a 7% no final deste ano, de 7,13% na mediana das projeções do levantamento anterior. Para 2020, a perspectiva continua sendo de taxa básica de juros terminando o ano a 8%.

Já o Top-5, grupo dos que mais acertam as previsões, ainda vê que a Selic permanecerá em piso histórico de 6,5% --patamar em que se encontra atualmente-- ao longo de 2019.

O BC deixou de mencionar a possibilidade de um eventual início de aperto nos juros, jogando para um futuro indeterminado uma alta da Selic ao traçar um quadro favorável para a inflação, embora ainda alerte que os riscos altistas para o IPCA seguem no radar.

O Focus mostrou ainda que os economistas veem que o IPCA terminou 2018 com alta de 3,69%, sem alterar sua projeção. Para 2019 também permanece o cálculo de inflação de 4,01%.

O centro da meta oficial de 2018 é de 4,50% e, para 2019, de 4,25%. A margem de tolerância para ambos os anos é de 1,5 ponto percentual para mais ou menos.

Em relação ao Produto Interno Bruto (PIB), a pesquisa semanal com uma centena de economistas mostra que o crescimento no ano passado continuou sendo calculado em 1,30%, mas para este ano houve uma redução de 0,02 ponto percentual na conta, a 2,53%.

Mais Economia