PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Indústria de fertilizantes Yara diz que aumento do preço do gás afeta o setor

13/02/2019 20h46

SÃO PAULO (Reuters) - A companhia de fertilizantes Yara afirmou nesta quarta-feira que o aumento dos preços do gás para as indústrias afeta "gravemente" toda a cadeia produtiva.

A afirmação foi feita em nota após um executivo da Yara dizer ao jornal Folha de S.Paulo que a empresa considera fechar uma unidade em Cubatão (SP) em função da alta no custo do insumo, se não houver uma solução para a questão.

"A companhia está adotando ações para diminuir o grande impacto deste aumento (do preço). A empresa entende ser fundamental que haja previsibilidade na divulgação dos reajustes e transparência na formação dos preços, garantindo a competitividade da produção nacional de amônia", disse a Yara em nota.

A Yara, líder no setor de fertilizantes no Brasil, afirmou ainda que "tem se posicionado junto às associações de classe e autoridades, para que possam ser encontradas soluções que permitam a continuidade da entrega de suas soluções industriais e de fertilizantes para os produtores e clientes brasileiros".

"Com esse preço, é inviável manter a planta (de Cubatão). Queremos tentar renegociar, mas a outra alternativa é fechar", disse o diretor comercial da companhia, Daniel Hubner, em entrevista à Folha.

Ele citava uma alta de cerca de 33 por cento do preço do gás para as indústrias, após aumento autorizado pela agência paulista do setor.

(Por Roberto Samora)