IPCA
0.13 Mai.2019
Topo

Agronegócio


China prevê maior safra de soja em 14 anos no ciclo 2019/20

2019-05-10T08:43:05

10/05/2019 08h43

PEQUIM (Reuters) - A China espera que sua produção de soja atinja o nível mais alto em 14 anos em 2019/20, impulsionada por um plano para revitalizar a produção nacional da oleaginosa.

O país produzirá 17,27 milhões de toneladas de soja na safra de 2019/20, um aumento de 7,9 por cento em relação ao ano anterior, estimou o Ministério da Agricultura na sexta-feira em um relatório mensal de safra.

Isso seria o maior volume desde 2004/05, quando a China produziu 17,4 milhões de toneladas da commodity, de acordo com registros do Departamento de Agricultura dos EUA. Essa foi a única vez em que sua produção subiu acima de 17 milhões de toneladas.

A China, que usa soja para produzir ração para suas criações, tem pressionado para reduzir sua dependência das importações de oleaginosas dos EUA, em meio a crescentes tensões comerciais entre os dois.

O Ministério da Agricultura da China espera processsamento de 86,6 milhões de toneladas de soja em 2019/20, estável ante 2018/19, uma vez que a epidemia de peste suína africana restringe a demanda por farelo de soja.

O vírus mata quase todos os porcos infectados e se espalhou rapidamente pelo país, mas é inofensivo para humanos.

As importações de soja da China em 2019/20 chegarão a um nível similar ao ano anterior, somando 84,9 milhões de toneladas, disse o ministério.

O consumo de soja em 2018/19 foi previsto em 103,56 milhões de toneladas.

A China importará 3 milhões de toneladas de milho em 2019/20, de acordo com as estimativas mensais do órgão chinês (Casde).

O ministério também elevou sua previsão de importações de milho da China em 2018/19 para 2,5 milhões de toneladas, acima da estimativa do mês anterior de 1,5 milhão de toneladas.

(Por Hallie Gu e Dominique Patton)

Mais Agronegócio