IPCA
0,1 Out.2019
Topo

Alemanha avalia medidas de emergência para pânico nos mercados causado pelo Brexit

Getty Images
Imagem: Getty Images

John O'Donnell e Tom Sims

Frankfurt

16/10/2019 09h24

A Alemanha pode usar medidas emergenciais para combater qualquer pânico no mercado devido a um Brexit complicado, disse uma autoridade com conhecimento direto do assunto, como proibir apostas contra a queda nos preços das ações, o que foi utilizado pela última vez durante a crise financeira.

A Alemanha, cujo mercado acionário de Frankfurt é um dos maiores da Europa, é o membro mais significativo de um grupo de países a considerar uma proibição temporária sobre a venda a descoberto em ações, incluindo a Itália e a Holanda.

Embora ainda não tenham sido acionadas medidas de emergência, os preparativos ressaltam o elevado estado de alerta do continente, com as negociações para garantir a saída ordenada do Reino Unido da União Europeia pesando.

No caso de uma queda nos mercados, as autoridades da Alemanha, Itália e Holanda poderão restringir a forma de negociação conhecida como "venda a descoberto", disseram autoridades desses países à Reuters, a fim de conter qualquer exagero nas oscilações de preços.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, prometeu tirar o Reino Unido do bloco em 31 de outubro, independentemente de um acordo de retirada ter sido alcançado ou não. Ele não explicou como pode contornar uma lei aprovada pelo parlamento dizendo que o Reino Unido não pode sair sem um acordo.

Muitos banqueiros, no entanto, temem que a falta de acordo nesta semana possa abalar os mercados bem mais cedo.

O regulador de mercados da Alemanha BaFin provavelmente identificará uma cesta de empresas particularmente vulneráveis às consequências econômicas do Brexit para aplicar uma proibição temporária à venda a descoberto, disse uma segunda fonte com conhecimento do assunto.

Ouça o podcast Baixo Clero, com análises políticas de blogueiros do UOL. Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Economia