PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Desaceleração da indústria alemã se arrasta para 4° tri

05/12/2019 08h37

Por Michael Nienaber

BERLIM (Reuters) - As encomendas à indústria na Alemanha caíram inesperadamente em outubro, com a demanda doméstica e de fora da zona do euro enfraquecendo, sugerindo que a desaceleração da produção continuará segurando o crescimento da maior economia da Europa no último trimestre do ano.

Os contratos para produtos fabricados na Alemanha caíram 0,4% em relação ao mês anterior, informou a Agência de Estatística do país nesta quinta-feira. O resultado foi pior do que a expectativa em pesquisa da Reuters de um aumento de 0,3%.

"A indústria alemã ainda está presa no vale das lágrimas", disse Thomas Gitzel, economista do VP Bank, acrescentando que um número crescente de empresas está solicitando auxílio estatal para manter funcionários especializados mas colocá-los em jornada de trabalho reduzida.

A leitura de setembro foi revisada para cima para um aumento de 1,5%, contra alta de 1,3% relatada anteriormente.

O Ministério da Economia disse que os pedidos industriais se estabilizaram nos últimos meses, com as expectativas dos negócios também se desenvolvendo um pouco mais favoravelmente.

Os pedidos industriais de clientes domésticos caíram 3,2%, enquanto a demanda de clientes de fora da zona do euro caiu 4,1%, mostraram os dados. Os pedidos de outros países da zona do euro aumentaram 11,1%.