PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Trump ataca Fed enquanto Powell fala diante de comitê da Câmara dos EUA

11/02/2020 14h14

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reiterou suas críticas de que o Federal Reserve mantém os juros altos demais e pareceu dizer que o chairman do banco central norte-americano, Jerome Powell, prejudicou os preços das ações durante seu depoimento ao Congresso nesta terça-feira.

Os principais índices acionários dos Estados Unidos e da Europa subiram para novos picos recordes mais cedo nesta sessão devido a notícias encorajadoras sobre o coronavírus na China. No entanto, o Dow Jones Industrial Average reduzia os ganhos e ficava praticamente estável, o que Trump pareceu atribuir à aparição de Powell no Comitê de Serviços Financeiros da Câmara dos Deputados dos EUA.

"Quando Jerome Powell começou seu depoimento hoje, o Dow subia 125, avançava para cima. Enquanto ele falava, o índice flutuava constantemente para baixo, como sempre, e agora está em -15. Alemanha e outros países são pagos para pedir dinheiro emprestado. Somos mais nobres, mas os juros do Fed são altos demais, o dólar é duro com as exportações", escreveu Trump no Twitter.

(Por Lisa Lambert)