PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

WH Group, maior processador de carne suína do mundo, tem salto no lucro em 2019

24/03/2020 16h00

PEQUIM (Reuters) - O WH Group, maior processador de carne suína do mundo, reportou nesta terça-feira um salto de 32% no lucro em 2019, à medida que máximas recordes nos preços do produto na China impulsionaram o valor das exportações realizadas pela companhia nos Estados Unidos e elevaram margens de comercialização no país asiático.

O presidente do conselho do grupo, Wan Long, afirmou que a epidemia de coronavírus na China no início deste ano teve impacto muito limitado sobre as operações ou demanda, e que mais de 95% das operações da empresa no país já voltaram ao normal.

Os preços da carne de porco na China, maior produtora global da proteína, dispararam no ano passado, depois de a peste suína africana dizimar o cartel de porcos do país, reduzindo o número de matrizes em mais de 60%, segundo estimativas.

O WH Group, que é proprietário da norte-americana Smithfield, afirmou que o lucro da empresa antes de ajustes em 2019 totalizou 1,378 bilhão de dólares, ante 1,05 bilhão de dólares no ano anterior, enquanto as receitas avançaram em 6,6%, para 24,1 bilhões de dólares.

A empresa disse que as operações na China foram "severamente restringidas" pela oferta reduzida de porcos e pela demanda menor diante da escalada dos preços. O grupo processou 13 milhões de animais na China, queda de 19% na comparação anual.

No entanto, os negócios de carne suína in natura tiveram crescimento de 46%, com a empresa vendendo grandes estoques de carne congelada quando os preços estavam baixos e impulsionando importações de carne suína barata proveniente dos EUA.

(Reportagem de Dominique Patton)