PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

Dólar acelera queda a 2% seguindo apetite externo por risco

18/05/2020 15h34

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar aprofundou a queda ante o real a 2% na tarde desta segunda-feira, espelhando o movimento nos mercados globais de câmbio num dia de maior apetite por risco com esperanças por uma vacina contra o Covid-19 e após notícias de maior consenso entre autoridades das duas maiores economias da União Europeia (UE) para combater a crise do coronavírus.

Às 15:21, o dólar recuava 1,95%, a 5,7252 reais na venda.

Na mínima, atingida às 14h25, cedeu a 5,6952 reais na venda, em baixa de 2,15%.

Na B3, o dólar futuro tinha queda de 2,26%, a 5,7285 reais.

"Os mercados de risco tiveram um rali com notícias relacionadas a fundamentos de longo prazo --especificamente a Moderna relatando dados favoráveis sobre vacinas", disse o conselheiro econômico principal da Allianz, Mohamed A. El-Erian.

A farmacêutica Moderna Inc informou que sua vacina experimental contra Covid-19 mostrou resultados promissores em um pequeno estudo de estágio inicial. A informação fortaleceu expectativas de reabertura mais ampla das economias, ainda afetadas por medidas de isolamento social determinadas meses atrás para conter a disseminação do vírus.

Ajudando ainda mais na queda do dólar, no começo da tarde França e Alemanha concordaram em propor a criação de um fundo de recuperação de 500 bilhões de euros que ofereceria subsídios a países membros e regiões da UE mais afetados pela crise do coronavírus, o que o presidente francês, Emmanuel Macron, considerou um "grande passo adiante".

Gráfico: dólar/real vs índice do dólar nesta sessão:

O índice do dólar --que mede o valor da moeda frente a uma cesta de seis rivais-- cedia 0,7%, nas mínimas do dia. O dólar caía firme também contra divisas emergentes e/ou correlacionadas às commodities, como peso mexicano (-1%), rand sul-africano (também -1%) e dólar australiano (-1,5%).

(Por José de Castro)

Economia