PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Vale vai armazenar energia em bateria em porto no RJ, vê redução de custo de 20%

24/08/2020 17h16

SÃO PAULO (Reuters) - A mineradora Vale está instalando um sistema de armazenamento de energia em bateria no terminal de minério de ferro da Ilha Guaíba (TIG), no Rio de Janeiro, em projeto que visa reduzir em cerca de 20% o custo do porto com energia, informou a empresa nesta segunda-feira.

Segundo comunicado da Vale, o sistema Battery Energy Storage Systems (BESS, na sigla em inglês) tem capacidade para armazenar 10 megawatts-hora e vai substituir o fornecimento da rede elétrica da concessionária nos horários de pico de demanda, quando o custo tarifário é mais alto.

"O equipamento será carregado sempre que a demanda por energia do TIG estiver baixa, para, assim, poder substituir a rede da concessionária nos momentos em que essa demanda for mais alta", afirmou a companhia.

O projeto é desenvolvido em parceria com Siemens e MicroPower Comerc (MPC) e possui baterias fabricadas pela Tesla, segundo a mineradora, que acrescentou que o projeto é um "passo importante" na estratégia de descarbonização da empresa.

"À medida que a Vale continua a descarbonizar suas operações, o uso de baterias se tornará uma parte cada vez mais importante na eletrificação da nossa frota de equipamentos", disse em nota o diretor de Energia da Vale, Ricardo Mendes.

A empresa havia anunciado recentemente o desenvolvimento de uma locomotiva 100% elétrica, como parte do programa para ampliação de fontes limpas em sua matriz energética. A Vale prevê que os testes da locomotiva ocorram ainda neste semestre, em Vitória (ES).

(Por Gabriel Araujo)