PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

BB diz que tem governança adequada, não foi notificado de investigação do TCU

05/10/2020 09h08

SÃO PAULO (Reuters) - O Banco do Brasil afirmou nesta segunda-feira que possui uma estrutura de governança reconhecida e que seus órgãos de auditoria desempenham suas funções com independência, em resposta à reportagem que afirma que o Ministério Público está investigando a direção da instituição.

Em comunicado divulgado ao mercado, em resposta a questionamentos da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o BB afirmou não foi notificado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) "sobre o tema abrangido pela notícia mencionada".

A CNN Brasil publicou na quinta-feira passada que o MP está sendo investigando por "diversas irregularidades que teriam ocorrido na gestão do Banco do Brasil sob o comando de Rubem Novaes". A CNN afirmou que uma "ampla documentação" a que teve acesso foi entregue ao TCU na qual o banco é acusado de "interferir na sua auditoria interna, evitar apurações sobre assuntos sensíveis, não atender a recomendações dos auditores, além de interferir irregularmente em nomeações na Previ".

Novaes apresentou carta de renúncia ao comando do BB em julho, mas só a oficializou em 21 de setembro.