PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Wall St encerra em alta com impulso de vacinas; S&P 500 e Nasdaq batem recordes

08/12/2020 18h14

Por Chuck Mikolajczak

NOVA YORK (Reuters) - Os mercados de ações dos Estados Unidos encerraram em alta nesta terça-feira, com os índices S&P 500 e Nasdaq atingindo máximas recordes, em parte devido a um impulso do segmento de saúde com notícias positivas sobre vacinas contra a Covid-19, enquanto incerteza em torno de um novo estímulo fiscal limitou os ganhos.

Os papéis da Johnson & Johnson subiram 1,73%, ajudando a impulsionar os índices Dow Jones e S&P 500, depois de a companhia informar que poderia obter em janeiro --antes do esperado-- resultados de testes em estágio final de uma vacina de dose única contra a Covid-19 que desenvolve.

As ações da Pfizer Inc tiveram alta de 3,18%, com a companhia superando o próximo obstáculo na corrida para obter aprovação para uso emergencial de sua vacina contra o coronavírus, depois que o regulador de saúde dos EUA divulgou documentos que não levantaram novas questões de segurança ou eficácia.

"Você tem visto desde as mínimas mais recentes no fim de outubro que tivemos uma alta dramática e inesperada durante a primeira semana de dezembro em antecipação ao que está se concretizando neste ponto, que agora é a aprovação iminente de uma vacina e um pouco em torno da distribuição", disse Bill Northey, diretor sênior de investimentos da US Bank Wealth Management, em Minneapolis.

Os principais índices de Wall Street começaram a semana dentro de faixas mais estreitas de negociação, com investidores à espera de mais estímulos diante do aumento de casos da Covid-19 e de novas restrições na Califórnia.

O líder da maioria no Senado, Mitch McConnell, disse que os parlamentares deveriam aprovar um pacote de alívio à Covid-19 que inclua medidas com as quais eles possam concordar, sem exclusão de dispositivos como proteções a empresas a questões de responsabilidade, o que está causando divergência.

O Dow Jones subiu 0,35%, para 30.173,88 pontos, o S&P 500 ganhou 0,28%, para 3.702,25 pontos, e o Nasdaq valorizou-se 0,5%, para 12.582,77 pontos.