PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Tesla entrará no S&P 500 após ascensão meteórica, mas alguns investidores querem mais

18/12/2020 09h49

Por David Randall

NOVA YORK (Reuters) - É tarde demais para comprar Tesla?

As ações da fabricante de veículos de elétricos subiram quase 700% no último ano, uma alta meteórica que puniu os vendidos e a transformou na montadora mais valiosa do mundo.

A entrada formal da empresa no S&P 500 na segunda-feira deve gerar um volume de negociações sem precedentes perto do fechamento do pregão desta sexta-feira, uma vez que os fundos que espelham o índice precisam comprar ações da montadora para que suas carteiras passem a refletir o índice corretamente.

Ainda assim, Wall Street está dividido sobre se os dias de ganhos estonteantes de Tesla estão contados.

Em geral, os analistas de Wall Street há muito tempo estão céticos em relação à Tesla. Os 35 analistas acompanhados pela Refinitiv têm preço-alvo médio de 396,30 dólares por ação, o que representa uma queda de 36% em relação ao valor atual. No entanto, em um sinal de como Wall Street está dividida no mercado de ações, os preços-alvo variam de 774 dólares por ação da Elazar Advisors a uma mínima de 40 dólares pela GLJ Research.

A Tesla encerrou a sessão de quinta-feira a 655,90 dólares.

"Ficou claro este ano o quanto a empresa está à frente da concorrência não apenas em termos de habilidades tecnológicas, mas também na combinação de alcance e desempenho a um preço acessível", disse Gary Robinson, gerente de portfólio da Baillie Gifford US Equity Growth, que possui as ações.

A Tesla negocia a 175 vezes seu lucro estimado por ação nos próximos 12 meses, em comparação com 14 vezes o lucro estimado por ação da BMW e 16 vezes da Toyota Motor, de acordo com uma pesquisa do JP Morgan.

Ao mesmo tempo, espera-se que a Tesla ganhe 2,29 dólares por ação e tenha 30,8 bilhões de dólares em receita durante seu atual ano fiscal, enquanto a General Motors deve ganhar 4,67 dólares por ação e registrar 120,7 bilhões em receita, de acordo com a Refinitiv.

"O múltiplo de lucro da Tesla é muito alto em termos nominais para qualquer empresa em qualquer setor em qualquer momento da história", observou o Goldman Sachs em nota, mantendo seu preço-alvo de 80 dólares para as ações da empresa.