PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Wall St opera em máximas recordes com democratas conquistando controle do Senado

07/01/2021 11h45

(Reuters) - Wall Street já bateu máximas recordes nesta quinta-feira e seguia em alta, com participantes do mercado apostando em mais ajuda federal diante da pandemia num cenário em que o Congresso norte-americano é controlado pelos democratas.

O setor financeiro, sensíveis às expectativas econômicas, saltava 2,2%, enquanto os setores industrial e de materiais básicos pairavam perto de níveis recordes, com perspectiva de que o presidente eleito Joe Biden desenhará um pacote fiscal maior e aumentará gastos com infraestrutura.

"Você está vendo um trade de reflação, com a suposição de que pacotes de estímulo fiscal mais progressivos e agressivos possam estar à vista", disse Keith Buchanan, gestor de portfólio da GlobAlt, em Atlanta.

Ações de bancos, sensíveis às taxas de juros, ganhavam 3,2%, acompanhando aumento nos rendimentos dos Treasuries de dez anos.

O índice S&P para o setor de tecnologia, em alta de 2,2%, caminhava para mais do que compensar as perdas do dia anterior, quando as ações de algumas das maiores empresas de tecnologia caíram devido ao temor de maior regulamentação.

O índice NYSE FANG+TM, que inclui as principais ações do grupo FAANG, valorizava-se cerca de 2%.

O Congresso certificou nesta quinta-feira a vitória eleitoral de Biden, horas depois de centenas de partidários do presidente Donald Trump invadirem o Capitólio, em um terrível ataque à democracia norte-americana.

Às 13:12 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,96%, a 31.124 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 1,549569%, a 3.806 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 2,2%, a 13.021 pontos.

(Por Devik Jain e Medha Singh)