PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Klabin dobra lucro no 4º tri com aumento de preços e câmbio

10/02/2021 09h44

SÃO PAULO (Reuters) - A Klabin, maior fabricante de papel para embalagens do país, teve lucro líquido de 1,3 bilhão de reais no quarto trimestre, mais do que dobrando o resultado do mesmo período de 2019, com o maior volume de vendas, recuperação de preços e a depreciação cambial beneficiando as receitas.

"Além do aumento no volume de vendas totais e o impacto positivo da desvalorização do real no período, ocorreram novos aumentos de preços em celulose, papéis e embalagens, em decorrência da forte demanda tanto no mercado local quanto no externo", explicou a companhia em comunicado sobre o balanço divulgado nesta quarta-feira.

A receita líquida somou 3,3 bilhões de reais de outubro a dezembro, crescimento de 22% na comparação ano a ano, com o mercado interno respondendo por 65%. O volume de vendas somou 941 mil toneladas, de 927 mil um ano antes.

O resultado operacional medido pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado alcançou 1,3 bilhão de reais - ou 1,106 bilhão de reais se excluídos efeitos não recorrentes - em relação ao 965 milhões de reais registrados no mesmo período de 2019.

Projeções compiladas pela Refinitv apontavam Ebitda de 1,194 bilhão de reais.

O custo caixa unitário total, que contempla a venda de todos os produtos da companhia, foi de 2.323 reais por tonelada no trimestre, aumento de 24% ano a ano, excluído efeito não recorrente de ganho de compra na aquisição dos ativos da International Paper de 206 milhões de reais.

Desconsiderando os efeitos de parada de manutenção, o custo caixa unitário de produção de celulose, que contempla os custos de produção das fibras curta, longa e fluff e as toneladas produzidas de celulose no período, foi de 755 reais por tonelada no trimestre, alta de 10%.

No fechamento do último trimestre de 2020, o endividamento líquido da Klabin somava 19,782 bilhões de reais, acima do montante apurado ao final de 2019 (14,355 bilhões de reais), mas abaixo do valor registrado no final do terceiro trimestre do ano passado (21,053 bilhões de reais).

O fluxo de caixa livre ajustado da Klabin, desconsiderando fatores discricionários e projetos de expansão, atingiu 1,1 bilhão de reais no trimestre, de 679 milhões de reais um ano antes.

Da dívida total da companhia, incluindo operações de financiamento com swap de taxas de real para dólar, 20,556 bilhões de reais, ou 79%, são denominadas em dólar.

O resultado financeiro ficou negativo em 176 milhões de reais, contra resultado negativo de 30 milhões de reais um ano antes, com as despesas financeiras somando 718 milhões de reais, fruto majoritariamente de despesa não recorrente relativa à remensuração de cálculo de atualização monetária de crédito de IPI, no valor de 310 milhões de reais.

(Por Paula Arend Laier; Edição de Luciano Costa)

PUBLICIDADE