PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Unica vê impacto de medidas contra Covid em vendas de combustíveis na 2ª quinzena

25/03/2021 10h32

SÃO PAULO (Reuters) - As medidas mais rigorosas para conter a disseminação da Covid-19 adotadas em vários Estados deverão pesar no consumo de combustíveis em março, avaliou a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica) nesta quinta-feira.

Apesar de notar que tais ações "devem impactar" o consumo de combustíveis, a Unica ressaltou que esse movimento deve se contrapor a uma "maior participação do etanol hidratado no consumo total".

Na primeira quinzena de março, a Unica observou que as vendas de etanol cresceram, diferentemente do esperado.

O diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues avaliou que isso "pode ser em parte justificado pelo diferencial de preço favorável ao biocombustível (ante a gasolina) e por um possível movimento das distribuidoras para a recomposição de estoques operacionais".

As vendas de etanol anidro (misturado à gasolina) por unidades do centro-sul para o mercado interno somaram 390,26 milhões de litros na primeira quinzena de março, alta de 1,85% na comparação anual, enquanto as vendas de hidratado atingiram 778,59 milhões de litros, alta de 11,13% na comparação anual.

(Por Roberto Samora; Edição de Luciano Costa)