PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Dilma tem mal-estar, faz exames em hospital e é liberada sem problemas sérios

25/05/2021 11h21

BRASÍLIA (Reuters) -A ex-presidente Dilma Rousseff foi internada na manhã desta terça-feira em um hospital de Porto Alegre, onde passou por exames, após apresentar mal-estar na noite da véspera, informou a assessoria da ex-presidente, mas foi liberada à tarde sem registro de problemas mais sérios.

Em nota, a assessoria informou que a ex-presidente, que tem 73 anos, teve alta depois de finalizar uma série de exames.

"Ela já está em casa, em bom estado de saúde, consciente. Nada foi registrado nos exames feitos nesta tarde", diz o texto.

No início da noite de segunda, a presidente participou da cerimônia online da filiação do ex-deputado Jean Willys ao PT, que deixou o PSOL e se sentiu mal pouco depois.

As primeiras informações foram de que a ex-presidente teria tido um infarto, mas sua assessoria nega. O hospital Moinhos de Vento não divulgou nenhum boletim médico sobre a ex-presidente.

No final da manhã, em postagem nas redes sociais, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva informou que conversou com Dilma enquanto ela ainda fazia exames e ela já estava se sentindo melhor, "falante como sempre".

Dilma já tratou um câncer linfático, descoberto em 2009, quando era ministra da Casa Civil e já tinha sido indicada como candidata do PT à sucessão de Luiz Inácio Lula da Silva.

O tratamento foi bem-sucedido e encerrado antes da campanha eleitoral de 2010.

(Reportagem de Lisandra ParaguassuEdição de Maria Pia Palermo e Alexandre Caverni)