PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

S&P 500 flerta com correção pela 5ª vez por temores com alta de juros

28/01/2022 13h38

Por Devik Jain e Bansari Mayur Kamdar

(Reuters) - O índice S&P 500 se aproximava de uma correção nesta sexta-feira pela quinta vez na semana devido a preocupações com uma série de altas nos juros para controlar a inflação e perdas nas ações da Caterpillar e Chevron.

O índice de referência teria que terminar 10% ou mais abaixo de seu recorde de fechamento alcançado em 3 de janeiro para confirmar que entrou em terreno de correção. A queda já chegou a 9,9% em meio a negociações voláteis.

A Caterpillar Inc caía 4,8% depois que a maior fabricante mundial de maquinário pesado alertou para pressão de margem devido à produção mais alta e custos trabalhistas.

A Chevron Corp recuava 3,4% na esteira da divulgação de lucro abaixo do esperado no quarto trimestre, pesando sobre o setor de energia do S&P 500, que registrava declínio de 0,4%.

No entanto, o salto de 4,1% da Apple Inc, mantinha as quedas do Nasdaq controladas, após a fabricante do iPhone reportar vendas recordes de seus celulares no trimestre que compreende os feriados de fim de ano.

A temporada de resultados do quarto trimestre tem sido, até então, mista, com os participantes do mercado monitorando de perto como as empresas norte-americanas responderão à inflação persistentemente alta e aos obstáculos na cadeia de suprimentos.

Às 13:37 (de Brasília), o índice S&P 500 ganhava 0,80%, a 4.361,14 pontos, enquanto o Dow Jones subia 0,46%, a 34.319,59 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite avançava 1,55%, a 13.560,20 pontos.

(Por Bansari Mayur Kamdar)