PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Ações europeias recuam com tensão política entre Rússia e Ucrânia

Pakin Songmor/Getty Images
Imagem: Pakin Songmor/Getty Images

Sruthi Shankar

14/02/2022 14h48Atualizada em 14/02/2022 15h15

O mercado acionário europeu fechou nesta segunda-feira no nível mais baixo em 20 dias, com os setores de viagem e bancário liderando as perdas, uma vez que os investidores avaliavam os riscos geopolíticos após alertas de que a Rússia pode invadir a Ucrânia a qualquer momento.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em queda de 1,83%, a 460,96 pontos, na maior baixa diária desde 24 de janeiro. Todos os principais subsetores terminaram no vermelho.

As ações de bancos lideraram as perdas, com queda de 3,3%, depois que os rendimentos dos títulos soberanos da zona do euro recuaram diante da busca por investidores de segurança.

No entanto, a Ucrânia indicou possíveis concessões à Rússia, ajudando a aliviar um pouco do atrito entre os dois países, enquanto o ministro das Relações Exteriores russo, Sergei Lavrov, sugeriu ao presidente Vladimir Putin que Moscou mantenha a diplomacia.

Investidores ao redor do globo abandonaram ativos mais arriscados e se mudaram para portos seguros, como ouro e títulos do governo, após um aviso dos Estados Unidos de que a Rússia poderia invadir a Ucrânia a qualquer momento.

"Você tem duas grandes incertezas. Não está totalmente claro qual é a política monetária do Fed. É uma política de aperto, mas não está claro quão longe e rápido eles vão, e também há a incerteza geopolítica com a Rússia", disse Matt Siddle, gerente de portfólio da Fidelity Investments.

Um indicador de volatilidade para as ações europeias subiu para 30,05 pontos —pico desde 25 de janeiro, quando os mercados globais viveram uma liquidação devido a preocupações com taxas de juros mais altas e avaliações elevadas no setor de tecnologia.

  • Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 1,69%, a 7.531,59 pontos.
  • Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 2,02%, a 15.113,97 pontos.
  • Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 2,27%, a 6.852,20 pontos.
  • Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 2,04%, a 26.415,41 pontos.
  • Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 2,55%, a 8.573,80 pontos.
  • Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 1,49%, a 5.507,66 pontos.