PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

BCE põe sob observação bancos com ligações com a Rússia, dizem fontes

28/02/2022 14h15

Por Francesco Canepa

FRANKFURT (Reuters) - O Banco Central Europeu colocou bancos com ligações estreitas com a Rússia, como o austríaco Raiffeisen Bank International e o braço europeu do VTB, sob observação após amplas sanções financeiras do Ocidente que já pressionaram um dos credores no limite, disseram duas fontes à Reuters.

As medidas do BCE incluem a exigência de que esses bancos relatem sua liquidez com mais frequência e atualizem os supervisores sobre o impacto das sanções em seus ativos e relatem suas operações na Rússia e na Ucrânia, disseram as fontes.

Os supervisores aumentaram seu escrutínio quando a Rússia invadiu a Ucrânia na semana passada e agora estão em contato diário com os bancos, acrescentaram as fontes.

O presidente-executivo do Raiffeisen Bank International, Johann Strobl, disse em comunicado à Reuters que a subsidiária russa do RBI "tinha uma posição de liquidez muito forte e estava registrando entradas". O banco se recusou a comentar mais.

O BCE se recusou a comentar e o VTB não respondeu a um pedido de comentário.

(Reportagem de Francesco Canepa; reportagem adicional de Alexandra Schwarz-Goerlich, em Viena)