PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Inflação russa acelera a 12,5%, nível mais alto desde 2015 por guerra na Ucrânia

Notas de rublo, a moeda russa - Getty Images/Bloomberg Creative
Notas de rublo, a moeda russa Imagem: Getty Images/Bloomberg Creative

Da Reuters

16/03/2022 13h54Atualizada em 16/03/2022 14h38

A inflação anual na Rússia acelerou a 12,54% até 11 de março, nível mais alto desde o final de 2015 e ante 10,42% uma semana antes, disse o Ministério da Economia nesta quarta-feira, com o enfraquecimento do rublo elevando os preços em meio a sanções sem precedentes do Ocidente.

A inflação acelerou com força uma vez que a moeda caiu para mínima recorde e em meio a sinais de elevada demanda por uma série de produtos, de alimentos a carros, devido às expectativas de que os preços subirão mais.

A inflação semanal desacelerou ligeiramente a 2,09% na semana até 11 de março, de 2,22% no período anterior, que havia sido o maior aumento em uma semana desde a crise de 1998, mostraram dados do serviço de estatísticas Rosstat.

Os preços de quase tudo subiram na semana passada, com açúcar e tomate avançando mais de 12%, mostraram os dados da Rosstat.

O banco central, que tem como meta inflação de 4%, elevou a taxa de juros básica para 20% no fim de fevereiro e volta a se reunir na sexta-feira com a expectativa de deixar inalterados os custos dos empréstimos.

(Reportagem da Reuters)