PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Ministério da Saúde estuda liberar a vacinação contra Covid-19 em clínicas privadas

14/04/2022 16h46

Por ricardo brti

BRASÍLIA (Reuters) - Em um momento de arrefecimento da pandemia de coronavírus, o Ministério da Saúde discute liberar a venda de vacinas contra Covid-19 em clínicas privadas no Brasil.

Segundo a assessoria de imprensa da pasta, o assunto está sendo tratado internamente pela Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19 (Secovid) do ministério e ainda não tem data prevista para uma definição.

A pasta acrescentou ainda que o ministério adquiriu doses suficientes para realizar a imunização gratuita de reforço a serem fornecidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

No ano passado, no momento em que o país passava por um pico de casos e mortes por Covid em meio à falta de vacinas, chegou a ocorrer uma maior discussão sobre a permissão para que empresas pudessem comprar e fornecer imunizantes.

Entretanto, uma lei sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro em março do ano passado tem um veto expresso para comercialização de doses por empresas. O texto da lei 14.125 prevê que pessoas jurídicas podem adquirir vacina contra Covid, mas elas têm de ter "integralmente" doadas ao SUS para serem utilizadas pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI).