PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Ibovespa reduz perdas e opera estável após melhora em NY

25/04/2022 16h37

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa brasileira passou a operar próximo da estabilidade na tarde desta segunda-feira, acompanhando desempenho em Wall Street, depois de queda forte mais cedo.

Vale e Petrobras seguiam como as principais pressões negativas ao índice, com temores por restrições contra Covid-19 na China ajudando a derrubar minério de ferro e petróleo, enquanto Ambev e Hapvida subiam.

Às 16:36 (de Brasília), o Ibovespa caía 0,01%, a 111.062,75 pontos. Na mínima da sessão, o índice caiu a 109.221,87 pontos, e na máxima foi a 111.155,01 pontos, tocando o território positivo. O volume financeiro era de 20,6 bilhões de reais.

Na visão de Jennie Li, estrategista de ações da XP, o Ibovespa opera "muito em linha com os mercados lá fora". Segundo ela, mercados sofrem consequências "das mesmas discussões que temos visto nas últimas semanas", em referência ao processo de retirada de estímulos monetários pelo banco central norte-americano e à questão da Covid-19 na China.

A estrategista diz que certo alívio nos rendimentos dos títulos do governo norte-americano nesta segunda-feira podem ter ajudado índices norte-americanos, e em consequência, o Ibovespa, a melhorar desempenho nesta tarde.

O início de testagem em massa no maior distrito de Pequim despertou temores nos mercados de que a cidade possa passar por um severo lockdown semelhante ao imposto em Xangai, que vem afetando cadeias produtivas e setores industriais globalmente. Um oficial anunciou depois a expansão da medida para mais distritos.

Os principais índices em Wall Street subiam entre 0,2% e 0,7%.

(Por Andre Romani)