IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Preços de commodities e insumos caem e IGP-10 tem avanço em fevereiro, diz FGV

15/02/2023 08h24

Por Camila Moreira

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) teve variação positiva de 0,02% em fevereiro, depois de avançar 0,05% no mês anterior, em meio à queda nos preços de commodities e insumos agropecuários.

A leitura mensal do indicador divulgada nesta quarta-feira pela Fundação Getulio Vargas (FGV) leva o IGP-10 a acumular em 12 meses alta de 2,26%, contra 4,27% em janeiro.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que mede a variação dos preços no atacado e responde por 60% do índice geral, teve queda de 0,14% em fevereiro, depois de cair 0,06% no mês anterior.

Os destaques ficaram para os movimentos dos itens soja (de -1,13% para -3,34%), bovinos (de 2,40% para -2,51%) e adubos ou fertilizantes (de -3,05% para -6,19%).

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC-10), que responde por 30% do índice geral, passou a subir 0,55% no mês, de 0,47% em janeiro.

De acordo com a FGV, cinco das oito classes de despesa componentes do índice registraram acréscimo em suas taxas de variação: Despesas Diversas (0,10% para 1,77%), Transportes (0,06% para 0,52%), Educação, Leitura e Recreação (1,13% para 1,51%), Habitação (0,12% para 0,32%) e Comunicação

(0,73% para 0,99%).

Por outro lado, o coordenador dos índices de preços, André Braz, destacou as quedas em serviços como passagem aérea (de -0,15% para -3,86%), aluguel residencial (de -0,44% para -0,55%) e tarifa de telefone móvel (de 0,92% para -0,94%).

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), por sua vez subiu 0,33% em fevereiro, contra alta de 0,14% no primeiro mês do ano.

O IGP-10 calcula os preços ao produtor, consumidor e na construção civil entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência.