IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Confiança do consumidor no Brasil tem leve queda em abril com incerteza sobre o futuro, diz FGV

25/04/2023 08h06

Por Luana Maria Benedito

SÃO PAULO (Reuters) - A confiança do consumidor brasileiro teve leve queda em abril, em meio a cenário misto entre as diferenças faixas de renda, o que eleva a incerteza sobre a trajetória futura do sentimento, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta terça-feira.

O Índice de Confiança do Consumidor da FGV cedeu 0,2 ponto neste mês, para 86,8 pontos.

O Índice de Situação Atual (ISA), que mede a percepção dos consumidores sobre o momento presente, teve variação positiva de 0,1 ponto, para 72,1 pontos, máxima desde outubro de 2022 (74,5).

Essa leitura foi compensada, no entanto, por queda de 0,4 ponto do Índice de Expectativas (IE), para 97,6 pontos.

"A confiança dos consumidores acomodou em abril em patamar considerado baixo em termos históricos", avaliou Viviane Seda Bittencourt, coordenadora das sondagens.

Segundo ela, houve um aumento do pessimismo das famílias com renda familiar mais baixa e redução para as famílias de maior poder aquisitivo, heterogeneidade que "torna difícil uma sinalização mais clara sobre as perspectivas futuras" da confiança do consumidor.

A piora das expectativas entre a população mais pobre pode "estar relacionada a um alto endivididamento das famílias... junto com um aumento das perspectivas de inflação para os próximos meses e dificuldade de acesso ao crédito", disse Bittencourt.