Itaú Unibanco vê provisões se estabilizando em nível atual nos próximos trimestres

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente do Itaú Unibanco, Milton Maluhy Filho, afirmou nesta terça-feira que a expectativa do maior banco brasileiro é de que as provisões se estabilizem em um patamar muito próximo ao atual nos próximos trimestres. Em videoconferência com jornalistas após divulgar balanço na noite da véspera, ele afirmou que se a instituição tivesse mantido mesmo portfólio de crédito de 2021 até hoje o nível de provisão seria "substancialmente maior".

No segundo trimestre, as despesas de provisão para créditos de liquidação duvidosa somaram 9,6 bilhões de reais, alta de 6,7% na comparação trimestral e de 23% na base anual.

(Por Alberto Alerigi Jr.)