Aperfeiçoamento de concursos e projeto dos supersalários podem ser aprovados rapidamente, diz Haddad

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, disse nesta terça-feira que apoia as discussões em torno de projeto de lei que trata dos super salários no funcionalismo e que também vê espaço para aperfeiçoamentos dos concursos públicos, acrescentando que ambas as medidas podem ser aprovadas rapidamente.

"Eu penso que tem algumas iniciativas que já estão endereçadas e que podem sinalizar para o país um esforço de modernização, moralização, valores e princípios básicos para nós termos um Estado mais moderno", disse Haddad em entrevista a jornalistas após reunião com as ministras Simone Tebet, do Planejamento, e Esther Dweck, da Gestão. "O PL dos concursos e o PL dos super salários são iniciativas importantes. Eles podem ser rapidamente aprovados", acrescentou.

Segundo o ministro, o PL dos supersalários -- que lista os tipo de pagamentos que podem ficar de fora do teto do funcionalismo público e, já tendo sido aprovado na Câmara, está atualmente no Senado -- poderia acabar com privilégios e fortalecer a economia do país, além de propor um debate sobre a moralização do serviço público.

Questionado sobre a viabilidade de medidas que afetam a administração pública, Haddad se mostrou confiante na possibilidade de uma discussão sobre o tema.

"Muita coisa que não se conseguiu esse governo está conseguindo. A reforma tributária, o Carf, marco fiscal, tanta coisa que não se conseguia hoje se consegue. Por que a gente não pode começar a discutir?",

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), disse no mês passado que a proposta da reforma, já aprovada por uma comissão especial da Câmara, precisa de apoio para que seja votada em plenário. Haddad, por sua vez, afirmou que ministérios estão dispostos a "enfrentar" o debate sobre o tema.

(Por Victor Borges)

Deixe seu comentário

Só para assinantes