Cruise, da GM, apresenta veículo autônomo acessível para cadeiras de rodas

Por Abhirup Roy

SÃO FRANCISCO (Reuters) - A Cruise, unidade de veículos autônomos da General Motors, apresentou nesta quinta-feira um veículo autônomo que é acessível a pessoas com deficiência, mesmo enquanto aguarda uma importante aprovação regulatória para construir e implantar veículos sem controles humanos.

O veículo acessível para cadeiras de rodas, chamado Cruise WAV, é baseado em seu veículo sem motorista Origin, que opera sem volante e pedais e tem espaço para os passageiros sentarem de frente um para o outro.

A empresa, que atualmente opera uma frota de veículos Chevrolet Bolt equipados com sua tecnologia autônoma, entrou com um pedido na Administração Nacional de Segurança no Trânsito nas Estradas (NHTSA, na sigla em inglês) no início do ano passado para implantar até 2.500 Origins anualmente. A expectativa é que a NHTSA emita sua decisão em breve.

A Cruise disse que espera lançar o WAV com um piloto para um pequeno grupo de usuários no próximo ano, sujeito a aprovações regulatórias, acrescentando que os testes em circuito fechado do veículo começarão no próximo mês.

As empresas de transporte de passageiros, incluindo as operadoras de robô-táxi, têm sido criticadas por não terem veículos acessíveis a cadeiras de rodas suficientes disponíveis para pessoas com deficiência, que frequentemente enfrentam escassez e longos tempos de espera.

A apresentação do Cruise WAV também ocorre em um momento crítico, já que a empresa e a rival Waymo, da Alphabet, receberam aprovação para operar seus veículos dia e noite em São Francisco, nos Estados Unidos, e cobrar dos passageiros pelo serviço, apesar da forte oposição de moradores e órgãos municipais preocupados com questões de segurança e interrupção das operações de salvamento dos socorristas.

Deixe seu comentário

Só para assinantes