Setor siderúrgico eleva previsão de alta das importações de aço para até 42% em 2023

SÃO PAULO (Reuters) - A entidade que representa a maior parte do parque siderúrgico nacional, Aço Brasil, deve voltar a rever suas projeções para o ano em breve, mas por ora já vislumbra uma nova elevação na expectativa de importações, afirmou o presidente-executivo, Marco Polo de Mello Lopes, nesta quarta-feira.

"Certamente, as projeções (feitas no mês) de julho terão que sofrer novas alterações...mas a estimativa de importação posso adiantar que será revista para alta de 40% a 42%", disse o executivo durante congresso da entidade.

Em julho, a estimativa do Aço Brasil para as importações da liga pelo país este ano indicava alta de 25,6%, para 4,2 milhões de toneladas.

De janeiro a agosto, as compras do material siderúrgico importado pelo Brasil somam 3,18 milhões de toneladas, crescimento de 49,5%, segundo dados da entidade divulgados na semana passada.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Deixe seu comentário

Só para assinantes