Ações se recuperam após Fed manter juros inalterados e gerar esperança de fim das altas

Por Sinéad Carew e Amruta Khandekar

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street subiram nesta quarta-feira, com o Nasdaq na liderança dos ganhos com uma alta de 1,6%, depois que o Federal Reserve manteve a taxa de juros inalterada e comentários do chair Jerome Powell alimentaram o otimismo em relação ao fim do ciclo de aperto, apesar de o banco central norte-americano ter deixado a porta aberta para mais elevações.

Powell disse que os formuladores de política monetária procederiam com cuidado, embora ainda não estivessem confiantes de que as condições financeiras fossem restritivas o suficiente para que a inflação ficasse tão baixa quanto o Fed gostaria.

Charlie Ripley, estrategista sênior de investimentos da Allianz Investment Management, escreveu que, embora ainda exista um risco potencial de que o Fed aumente as taxas novamente, o comentário de Powell sugere que "o nível de exigência para o aumento das taxas ficou mais alto".

O Dow Jones subiu 0,67%, para 33.274,58 pontos. O S&P 500 teve alta de 1,05%, para 4.237,86 pontos. O índice de tecnologia ​​Nasdaq avançou 1,64%, para 13.061,47 pontos.

Entre os 11 principais setores do S&P 500, apenas dois perderam terreno, com o setor de energia em queda de 0,3%, enquanto o de bens de consumo básicos teve variação negativa de 0,06%. Os melhores desempenhos foram os dos setores de tecnologia da informação, que é mais sensível aos juros, que subiu 2%, e o de serviços de comunicação, que avançou 1,8%.

((Tradução Redação Brasília)) REUTERS VB IV AC

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes