New York Times aproveita recuperação do mercado de anúncios e tem resultado acima do esperado

(Reuters) - O New York Times divulgou nesta quarta-feira receita do terceiro trimestre acima do esperado, impulsionado por uma recuperação no mercado de publicidade e assinaturas de serviços.

O Times vem promovendo suas ofertas de pacotes de notícias, entretenimento e artigos de estilo de vida, bem como podcasts, na tentativa de atrair e reter assinantes.

A empresa teve receita de 598,3 milhões de dólares no terceiro trimestre, acima da estimativa média dos analistas de 589,4 milhões, de acordo com dados da LSEG.

A receita de assinaturas cresceu 9,4%, chegando a 418,6 milhões de dólares nos três meses até setembro, acima das estimativas.

A receita de publicidade do NYT aumentou 6% em relação ao ano anterior, para 117,1 milhões de dólares, superando também as expectativas do mercado.

A empresa informou que a receita média por usuário (Arpu) para assinaturas foi de 12,81 dólares, em comparação com um Arpu total apenas digital de 9,28.

O NYT tem como meta atingir 15 milhões de assinantes até 2027. A companhia adicionou 210 mil assinantes apenas digitais no trimestre, em comparação com uma adição de 180 mil no segundo trimestre.

The Athletic, sua oferta de notícias sobre esportes que o Times comprou em 2022 por 550 milhões de dólares, gerou receita de 34,4 milhões de dólares, um aumento de quase 46%.

O NYT informou lucro ajustado de 0,37 dólar por ação, superando estimativas de 0,29.

Continua após a publicidade

(Por Arsheeya Bajwa)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes