Ações europeias fecham no maior nível em um mês com arrefecimento da inflação

Por Ankika Biswas e Bansari Mayur Kamdar

(Reuters) - O STOXX 600, índice de referência da Europa, subiu para o maior valor em mais de um mês nesta quarta-feira, com investidores comemorando a desaceleração da inflação nas principais economias e reforçando apostas no fim do aperto monetário dos bancos centrais.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,4%, enquanto o FTSE 100 do Reino Unido subiu 0,6%.

Apenas um dia depois que um relatório benigno sobre a inflação dos EUA corroborou visão de que o Federal Reserve pode ter deixado de aumentar as taxas, novos dados mostraram que a inflação britânica também esfriou mais do que o esperado em outubro.

"O quadro melhor de inflação apresentado tanto pelo Reino Unido quanto pelos EUA sugere que podemos começar a ver uma mudança fundamental nas decisões de investimento, com o pior agora potencialmente já tendo passado tanto para os títulos quanto para as ações", disse Stuart Cole, economista-chefe de macro da Equiti Capital.

Enquanto isso, os preços no atacado da Alemanha tiveram sua queda mais acentuada em quase três anos e meio em outubro, outro sinal de abrandamento das pressões inflacionárias na maior economia da Europa.

Também contribuíram para o bom humor do mercado dados que mostraram um crescimento melhor do que o esperado da produção industrial e das vendas no varejo na China, principal consumidor de metais, em outubro, e notícias sobre potenciais novos estímulos.

As ações de tecnologia sensíveis à taxa de juros saltaram 2,1%, enquanto as mineradoras ganharam 1,5%, acompanhando os preços dos metais.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,42%, a 454,52 pontos.

Continua após a publicidade

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,62%, a 7.486,91 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,86%, a 15.748,17 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,33%, a 7.209,61 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,42%, a 29.466,93 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,18%, a 9.640,70 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,65%, a 6.298,79 pontos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes