Embraer espera alta de cerca de 20% na receita em 2024, diz CEO

Por Valerie Insinna

WASHINGTON (Reuters) - A Embraer espera um crescimento de receita de aproximadamente 20% em 2024, disse o presidente-executivo da empresa, Francisco Gomes Neto, nesta sexta-feira.

Em entrevista à Reuters, o executivo ponderou que a projeção financeira oficial da companhia não será divulgada até o início do próximo ano, mas que atualmente a expectativa é de alta de cerca de 20% na receita e nas entregas de aviões.

Se o cenário se confirmar, as entregas de jatos comerciais iriam para cerca de 80 unidades no ano que vem, e as de jatos executivos, para aproximadamente 140, disse Gomes Neto, acrescentando que esses números não são metas oficiais.

A Embraer tem potencial para atingir uma receita anual de 10 bilhões de dólares até 2030, sem incluir na conta a subsidiária de veículos elétricos de pouso e decolagem verticais (eVTOL) Eve, disse Gomes Neto a jornalistas mais cedo nesta sexta-feira.

Incluindo a Eve, a receita anual pode chegar a 14 bilhões de dólares até 2030, disse o executivo.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes