CEO da Petrobras diz que terá nova reunião quarta-feira sobre plano estratégico

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, afirmou nesta terça-feira que terá nova reunião na quarta-feira para discutir o plano estratégico 2024-2028 da empresa.

Ao deixar reunião no Palácio do Planalto com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ministros, o CEO também disse que não houve pedidos do governo para baixar os preços dos combustíveis.

A expectativa em torno da reunião desta terça aumentou depois que duas fontes com conhecimento do assunto disseram à Reuters na segunda-feira que integrantes do governo vinham conversando sobre uma possível substituição de Prates, já que estavam descontentes com os rumos da empresa, e a relação do executivo com gente do alto escalão estaria ruim. O próprio Lula não estaria satisfeito com a atuação do CEO da estatal em alguns pontos.

Após a reunião desta terça, uma fonte do governo próxima a Lula com conhecimento do assunto disse que Prates está com o emprego garantido "por enquanto".

Sem entrar em grandes detalhes, a fonte disse que Lula reclamou da briga pública entre Prates e o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes