Novo plano revitaliza Petrobras para o futuro e transição energética, diz CEO

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O novo plano estratégico da Petrobras para o período 2024-2028 busca "revitalizar" a empresa e lançar as bases para o futuro em meio à transição energética, disse nesta sexta-feira o CEO Jean Paul Prates.

Ao comentar sobre o plano divulgado na véspera, Prates afirmou ainda que a Petrobras tem o "dever" de se tornar uma empresa de energia nacional, depois que a União deixou de ser controladora da Eletrobras.

Divulgado na véspera, o primeiro plano estratégico da estatal sob o terceiro governo de Luiz Inácio Lula da Silva prevê investimentos de 102 bilhões de dólares entre 2024 e 2028, alta de 31% em relação ao previsto no plano quinquenal anterior, com até 11,5 bilhões de dólares previstos para projetos de baixo carbono.