Milei nomeia Bausili como presidente do BC da Argentina

BUENOS AIRES (Reuters) - O economista Santiago Bausili foi confirmado nesta quarta-feira como novo chefe do banco central da Argentina depois que o libertário Javier Milei tomar posse como presidente do país no próximo domingo.

"Santiago Bausili será o presidente do banco central da República Argentina", disse a assessoria de imprensa de Milei na rede social "X".

Bausili foi subsecretário da Fazenda durante a presidência de Mauricio Macri entre 2016 e 2017, e depois se tornou secretário da Fazenda até dezembro de 2019.

O novo chefe do banco central foi sócio da Anker, uma empresa de consultoria sediada em Buenos Aires, juntamente com o novo ministro da Economia, Luis Caputo. Anteriormente ele trabalhou no Deutsche Bank como diretor de originação de dívidas, primeiro em Nova York e depois em Buenos Aires.

Por mais de uma década, trabalhou no JP Morgan, concentrando-se em mercados de capital e marketing de derivativos, cobrindo a Argentina, o Chile e o Peru.

(Reportagem de Walter Bianchi)

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5047 2984)) REUTERS CMO

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes