Ações da China sobem e índice de Hong Kong cai com investidores aguardando sinais de estímulo

XANGAI (Reuters) - As ações da China fecharam em alta nesta sexta-feira, mas o índice de referência blue-chip ainda estava oscilando em torno das mínimas em quase cinco anos, enquanto as ações de Hong Kong caíram, já que os investidores permanecem cautelosos em relação à fraca recuperação da China e aguardavam pistas das próximas reuniões de política monetária.

O índice CSI 300 subiu 0,2%, e o Índice Composto de Xangai ganhou 0,1%.

O Índice Hang Seng, de Hong Kong, caiu 0,1%, e o Índice Hang Seng China Enterprises recuou 0,3%.

O índice CSI 300 perdeu 2,4% na semana, registrando a pior semana desde 20 de outubro, quando a agência de recomendação Moody's emitiu um alerta de rebaixamento das classificações de crédito da China e de Hong Kong, aumentando as preocupações dos investidores sobre a já fraca recuperação da China.

Dados de quinta-feira também mostraram um encolhimento inesperado nas importações, embora as exportações tenham crescido pela primeira vez em seis meses em novembro.

"Isso ressalta a necessidade de impulsionar a demanda doméstica", disse a Bohai Securities.

Nas próximas duas semanas, o mercado mudará seu foco para os sinais de política monetária, acrescentou a corretora.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei perdeu 1,68%, a 32.307,86 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,07%, a 16.334 pontos.

Continua após a publicidade

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,11%, a 2.969 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,24%, a 3.399 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 1,03%, a 2.517 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,61%, a 17.383 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 1,19%, a 3.110 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,30%, a 7.194 pontos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes