FMI saúda medidas econômicas "ousadas" da Argentina

(Reuters) - O Fundo Monetário Internacional (FMI) saudou nesta terça-feira uma nova série de medidas econômicas “ousadas” anunciadas pelo ministro da Economia argentino, Luis Caputo, que incluem forte desvalorização do peso e cortes nos gastos do Estado.

“Uma implementação decisiva ajudará a estabilizar a economia e a estabelecer as bases para um crescimento mais sustentável e liderado pelo setor privado”, disse em comunicado o FMI, que tem um programa de 44 bilhões de dólares com o país sul-americano.

(Reportagem de Kylie Madry)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes