Magazine Luiza lança serviço de nuvem com promessa de preços mais acessíveis

Por Paula Arend Laier

(Reuters) - O Magazine Luiza lançou nesta terça-feira um serviço de nuvem pública para empresas brasileiras, principalmente pequenas e médias companhias, com a promessa de preços mais acessíveis.

"A Magalu Cloud chega para complementar a oferta de serviços de nuvem que vemos no mercado. Ela será a opção mais acessível, confiável e que melhor vai atender especialmente o pequeno e médio", afirmou Christian "Kiko" Reis, head da Magalu Cloud, em comunicado.

"Sem a volatilidade de um preço dolarizado, negócios de todos os portes podem aproveitar as vantagens da computação em nuvem para melhorar processos, aumentar produtividade e se tornarem mais competitivos."

De acordo com o Magazine Luiza, que tem 30% de sua operação digital na nuvem própria, a Magalu Cloud já está disponível para alguns parceiros, com serviços como computação, armazenamento, rede, banco de dados e inteligência artificial.

A nova plataforma, em desenvolvimento desde 2020, opera com data centers na Grande São Paulo e na região de Fortaleza (CE), que servem cargas de trabalho de empresas clientes, de companhias do grupo e do próprio Magalu.

Sem detalhar, a companhia afirmou que a plataforma "em breve" será aberta para outras empresas interessadas.

A arquitetura da Magalu Cloud inclui "zonas de disponibilidade" isoladas e permite que aplicações hospedadas -- desde que arquitetadas de forma correta -- tenham disponibilidade e robustez máxima face a qualquer falha.

De acordo com a empresa, entre os produtos oferecidos estão máquinas virtuais x86 com CPU e GPU, contêineres gerenciados por Kubernetes, bancos de dados compatíveis com MySQL e PostgreSQL e armazenamento de objeto compatível com o protocolo S3.

Continua após a publicidade

Também são fornecidos serviços complementares, como redes virtuais privadas, firewalls virtuais, interconexão com a internet e privada com outras clouds e com infraestrutura local, balanceadores de carga L3 e L7, além de registro e serviço de nomes DNS.

"Todos os recursos provisionados e gerenciados pela Magalu Cloud são hospedados integralmente em infraestrutura física que está sob seu próprio controle: data centers, máquinas físicas e equipamentos de rede", afirmou a companhia.

O Magazine Luiza ainda disse que o software utilizado para fornecer os serviços de infraestrutura também é próprio, baseado na sua maior parte em open source. 

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes