EUA abrem investigação sobre mais de 450.000 veículos da Nissan por falha no motor

(Reuters) - Um órgão regulador de segurança automotiva dos Estados Unidos disse nesta sexta-feira que abrirá investigação sobre cerca de 454.840 veículos da Nissan por conta de relatos que alegam falhas no motor que podem levar à perda de força motriz sem a possibilidade de reinicialização.

O Escritório de Investigação de Defeitos (ODI) abriu uma avaliação preliminar dos veículos Nissan Rogue, Altima e Infiniti Qx50, informou a Administração Nacional de Segurança do Tráfego Rodoviário, acrescentando que um total de seis reclamações foram recebidas com relação ao problema.

Os proprietários dos veículos relataram falhas no motor, perda de potência, ruídos de batidas do motor, pedaços de metal e aparas encontrados no cárter de óleo de determinados veículos equipados com os motores KR15DDT e KR20DDET, informou o ODI.

A montadora japonesa tem procurado solucionar os danos ou engripamentos do rolamento principal e do elo L nos motores introduzindo várias alterações no processo de fabricação ao longo do tempo, informou o órgão regulador.

A investigação pode ser ampliada, se necessário, disse a ODI.

(Por Maria Ponnezhath e Nathan Gomes em Bengaluru)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes