Japão melhora avaliação do sentimento empresarial e mantém visão geral da economia

TÓQUIO (Reuters) - O governo do Japão melhorou sua opinião sobre o sentimento empresarial pela primeira vez em dois meses em dezembro, uma vez que uma pesquisa do banco central mostrou uma ampla recuperação no ambiente corporativo graças aos lucros otimistas.

Mas o Gabinete do Governo, em um relatório desta terça-feira, deixou a avaliação econômica geral inalterada para o mês, dizendo que a economia, a terceira maior do mundo, estava "se recuperando moderadamente, embora algumas áreas tenham estagnado recentemente".

"O sentimento das empresas está melhorando", disse o relatório, atualizando sua avaliação anterior de que estava melhorando moderadamente como um todo.

O relatório mais recente refletiu uma pesquisa do Banco do Japão da semana passada, que mostrou que a confiança nos negócios dos grandes fabricantes japoneses atingiu um pico em quase dois anos nos três meses até dezembro. O sentimento das grandes empresas não manufatureiras também melhorou para níveis não vistos desde 1991.

"O ânimo dos empresários está melhorando e os lucros das empresas também estão melhorando, mas isso não se espalhou pela demanda doméstica, como consumo e investimento, para elevar a visão econômica geral", disse um funcionário do Gabinete do Governo.

O governo manteve sua opinião sobre os gastos do consumidor, de que eles estavam "se recuperando" em dezembro, mantendo a formulação que tem usado desde maio.

O crescimento dos salários não acompanhou o ritmo da inflação, enquanto os gastos com viagens e jantares fora de casa estavam se recuperando, segundo o relatório.

O governo reiterou que a recuperação do investimento de capital parece ter se estagnado, enquanto a produção industrial mostrou sinais de retomada.

(Por Kaori Kaneko)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes