Votorantim Cimentos levanta R$793 mi com emissão de CRIs

Por Alberto Alerigi

SÃO PAULO (Reuters) - A Votorantim Cimentos anunciou nesta terça-feira que captou 793,3 milhões de reais obtidos por meio de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI), em recursos que serão usados em parte para liquidação antecipada de dívidas.

O volume total da captação está lastreado em créditos imobiliários decorrentes de duas séries de debêntures simples, não conversíveis em ação, emitidas pela companhia. A emissão ficou 13% acima do volume da oferta base, com uma demanda de 1,4 vez, afirmou a companhia em comunicado à imprensa.

A oferta dos CRIs foi liderada pelo UBS BB e coordenada por BV, Bradesco BBI, Itaú BBA e Santander.

Além da gestão de passivos, os recursos da emissão serão usados para "investimentos e despesas relacionadas a obras civis, seja para reforma, construção e/ou aquisição de algumas de nossas unidades operacionais no Brasil, bem como para o reembolso de gastos com aluguéis de algumas de nossas unidades ocorridos nos últimos dois anos", afirmou a Votorantim Cimentos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes