Bosch espera 2024 mais difícil do que previsto

BERLIM (Reuters) - A Bosch terá dificuldades para atingir suas metas de vendas e lucros nos próximos um ou dois anos, disse o presidente-executivo da companhia, Stefan Hartung, em entrevista ao jornal alemão Handelsblatt, publicada nesta quinta-feira.

"O ano de 2024 será mais difícil do que o esperado, e 2025 provavelmente vai ser também", disse Hartung, acrescentando que a empresa está discutindo até que ponto poderia mudar suas metas de lucro e receita.

"Não seremos capazes de evitar cortes de pessoal nas áreas afetadas", acrescentou, apontando para a necessidade do fornecedor de autopeças fazer a transição para veículos  elétricos.

A Bosch estava prevendo margem de lucro de 5% para 2023, uma meta que Hartung disse ainda ser alcançável, mas que enfrenta alguma incerteza devido aos riscos cambiais na China e na Turquia.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes