EuroChem vai produzir fertilizantes em MG no 1º tri de 2024

SÃO PAULO (Reuters) - O grupo EuroChem, importante produtor global de fertilizantes, anunciou nesta quinta-feira que começará a produzir fosfatados no primeiro trimestre de 2024 no Complexo Mineroindustrial de Serra do Salitre, em Minas Gerais.

O anúncio foi feito após a empresa ter obtido na véspera licença de operação da fábrica química da unidade, concedida pelo Conselho Estadual de Política Ambiental de Minas Gerais.

O complexo, que envolve a primeira unidade de mineração do grupo EuroChem fora do continente europeu, produzirá cerca de 1 milhão de toneladas de fertilizantes fosfatados por ano, o que representa 15% da produção nacional deste insumo agrícola.

"A licença de operação é uma etapa fundamental para o Complexo que vai transformar a EuroChem em um grupo importante na produção de fertilizantes, no Brasil e na América do Sul", disse o diretor-presidente da EuroChem na América do Sul, Gustavo Horbach, em nota. 

As fábricas de ácido sulfúrico e de ácido fosfórico, que receberam a licença, são fundamentais para a produção dos fertilizantes.

O Complexo de Salitre recebeu aportes na ordem de 1 bilhão de dólares e contribuirá com a redução da dependência da agricultura brasileira da importação de fertilizantes, hoje em cerca de 85%, disse a empresa.

Na América do Sul, além de Salitre, a empresa tem presença comercial em todos os Estados brasileiros com 22 unidades de mistura e distribuição da EuroChem Fertilizantes Tocantins e da Fertilizantes Heringer, da qual detém o controle acionário.

(Por Roberto Samora)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes