STOXX 600 tem alta de 12,6% em 2023 por otimismo com corte de juros

Por Shashwat Chauhan e Bansari Mayur Kamdar

(Reuters) - As ações europeias encerraram 2023 com um ganho anual de quase 13% nesta sexta-feira na esperança de uma política monetária mais branda por parte dos principais bancos centrais no próximo ano.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,10%, marcando seu sétimo ganho semanal consecutivo.

O STOXX 600 fechou o ano com alta de 12,6%, com as ações de tecnologia, que são mais sensíveis aos juros, entre as de melhor desempenho.

Os mercados globais têm se recuperado nos últimos dois meses, conforme os rendimentos dos títulos recuaram com a esperança de cortes nos juros dos bancos centrais no início de 2024. Ainda assim, o Banco Central Europeu (BCE) ainda não indicou qualquer possível flexibilização, embora os mercados monetários indiquem uma chance de 80% de um primeiro corte em março.

O índice de referência europeu se recuperou mais de 12% de suas mínimas de março, quando os mercados globais foram abalados após o rápido colapso do banco suíço Credit Suisse e do credor norte-americano Silicon Valley Bank.

As ações italianas superaram seus pares regionais neste ano, com uma alta de quase 30% no acumulado do ano, enquanto os índices suíço e britânico estavam entre os piores desempenhos.

As ações de mídia lideraram os ganhos nesta sexta-feira, com alta de 0,5%, seguidas pelos papéis de bancos.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,14%, a 7.733,24 pontos.

Continua após a publicidade

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,30%, a 16.751,64 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,11%, a 7.543,18 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,07%, a 30.351,62 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,16%, a 10.102,10 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,06%, a 6.396,48 pontos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes